Início Organizações Carioca de Indoor Grande Final Campeonato Carioca de Kart Indoor 2017

Grande Final Campeonato Carioca de Kart Indoor 2017

Última etapa do Campeonato Carioca de Kart Indoor Temporada 2017 no Top Kart Indoor.

351
0
COMPARTILHAR

Olá amigos fás do esporte motor, particularmente o kart, esporte que tem adrenalina, quando apaga o sinal vermelho, até a bandeirada final.

No inicio deste ano recebi o convite de participar, como Diretor de Provas, da segunda edição do Campeonato Carioca de Kart Indoor, sendo que, neste ano ele, o organizador Alexandre Odo, colocou o nome do Campeonato em homenagem a uma pessoa que sempre terei a maior admiração, pois, com ele foi que pude aprender tudo sobre corridas de carros, regulamentos, organização, postura, procedimentos, etc…

Mihaly Hidasy, este foi o meu professor, quando o assunto é corrida. Tive o privilegio de trabalhar com ele desde 1978 quando entrei pela primeira vez em uma pista, apaixonado por carros como qualquer criança, participei de todos os eventos que vocês podem imaginar..

Chega de nostalgia e vamos ao que interessa…

Antes gostaria de agradecer a todos os pilotos que participaram, pois, sem vocês o evento não teria como ser realizado, parabenizar aos pilotos campões de cada categoria, por que ser campeão em uma competição com pilotos fantásticos, pilotos já conhecidos, e outros que chegaram e firmaram o pé no acelerador, para reservar o seu espaço neste seleto mundo da velocidade, e em especial ao Top Kart que acreditou e cedeu o espaço para a realização do evento.

Ultima etapa do campeonato e dos plays off, para definir os CAMPÕES de cada categoria.

Na pista do Top Kart Nova América, os nossos amigos fizeram um traçado, com vários pontos de ultrapassagem e o short cut, em um local que não fazia muita diferença quando era feito, em torno de 2 segundos, com isso as disputas ficaram bem interessantes.

Largada da Light 3b e Feminina

Na primeira bateria do dia Light 3B e Feminina o piloto Eike Rabelo, fez a pole e na segunda posição largou o piloto Lucas Ferreira.

A corrida foi tranquila, pois, os pilotos mantiveram as posições, do primeiro ao terceiro, chegando em primeiro o piloto Eike Rabelo em segundo Lucas Ferreira e em terceiro Giosue de Luca. O único momento de emoção foi à disputa entre os Pilotos Leonardo Silveira e Teresa D’ávila. Por várias voltas a disputa entre eles foi acirrada, onde a Piloto Teresa D’ávila, conforme dito em etapas anteriores mostrou uma grande evolução na pilotagem, dificultou muito as tentativas de ultrapassagem do rival,  onde no final Leonardo Silveira garantiu o quarto lugar.

 

Vamos falar agora da terceira bateria, pois, estes pilotos, que é um grupo muito grande, durante as baterias do campeonato eram divididos conforme a classificação do campeonato, Light 3A e Light 3B, ou seja, na terceira bateria a Light 3A a pole ficou com o piloto Felipe Bernardes e em segundo o piloto Gustavo Correa.

Desde o inicio da bateria os pilotos Felipe Bernardes e Gustavo Correa travaram uma disputa fantástica, digna de pilotos que se respeitam e sabem correr limpo. Gustavo Correa assumiu a ponta por algumas voltas e depois Felipe Bernardes retomou a posição, no final em uma manobra incrível, onde Felipe Bernardes, não esperava que Gustavo Correa conseguiria ultrapassar naquele local, perdeu a ponta e a corrida.

Kart 10 com volante quebrado devido ao impacto.

Em uma corrida de recuperação o piloto Lucas de Luca que largou em último antes da metade da corrida já estava em terceiro lugar, tentando em todas as curvas passar para segundo, só que, em uma manobra ariscada acabou batendo e quebrando o kart, caiu para último e não continuou até o final.

Com Isso a classificação final da categoria Light 3 ficou:

1º Felipe Bernardes  48 pts

2º Gustavo Correa    45 pts

3º Eike Rabelo          34 pts

4º João Vitor Lima    32 pts

5º Lucas Ferreira      30 pts

E na Feminina:

1º Teresa D’ávila       51 pts

2º Ana Carolina         33 pts

3º Thayline Andrade 08 pts

Reparem que no final a disputa pelo titulo da Light 3 foi grande, apenas 3 pontos do primeiro para o segundo e 4 entre o terceiro e o quinto colocado.

Na segunda bateia do dia a Light 12 a pole foi do piloto Iago Gomes e em segundo Andre Felisberto.

Logo na largada Andre Felisberto assumiu a primeira posição e não foi incomodado até a bandeirada final.

Nas outras posições as disputas foram ótimas. Entre segundo e terceiro, Ylan Marcel e Iago Gomes e entre Marcus Gonçalves e Robson Luiz quarto e quinto, Ylan e Marcus levaram a melhor nas disputas ficando com terceiro e quarto lugar respectivamente.

Assim a classificação final da Light 12 ficou:

1º Andre Felisberto      45 pts

2º Ylan Marcel             39 pts

3º Marcus Gonçalves  33 pts

4º Iago Gomes            31 pts

5º Fabio vasques        23 pts

Vejam que houve uma grande disputa até o final para saber quem seria o campeão, apesar da diferença entre o primeiro e o segundo entre o terceiro e o quarto foram apenas 8 pontos de diferença.

Na tomada de tempo das categorias Super Graduados e Mastes, apesar de poucos pilotos no grid a pole ficou com Leandro Ahmed e em segundo Flavio Costa

A corrida foi tranquila e com o titulo garantido na Super Graduados, Flavio Costa tentou de tudo, para ganhar também na Master, já que a diferença entre ele e Leandro Ahmed era de apenas 1 ponto, só que Leandro soube aproveitar o bom rendimento do seu kart e a estratégia para ganhar a corrida e levantar a taça de campeão na categoria Master.

A pontuação final das duas categorias ficou assim:

Super Graduados:

1º Flavio Costa         55 pts

2º Almir Sena           18 pts

3º Ylan Marcel          18 pts

4º Alexandre Odo     16 pts

5º Antonio Tristão     15 pts

Master:

1º Leandro Ahmed     52 pts

2º Flavio Costa          47 pts

3º Andre Felisberto    36 pts

4º Ylan Marcel           32 pts

5º Sergio Milani         12 pts

Como informei antes na categoria Super Graduados o campeão já definido, do segundo para o quinto muita disputa, pois, a diferença ficou apenas 3 pontos, enquanto na Master a disputa foi ponto a ponto até a última etapa.

Na bateria seguinte a Graduados a pole ficou com Flavio Costa e em segundo Leandro Ahmed.

Durante a tomada de tempo Alex Kid tentou de todas as maneiras para largar na pole, ganhar a bateria e torcer para Flavio Costa chegar ao máximo em terceiro, com isso, seria campeão da categoria, só que seus planos não foram concretizados, Flavio Costa com um kart muito bom, largou na pole a administrou as tentativas de ultrapassagens no inicio da bateria de Leandro Ahmed que chegou em segundo.

No final a classificação da categoria Graduados ficou assim:

1º Flavio Costa        53 pts

2º Alex Kid               43 pts

3º Leandro Ahmed  40 pts

4º Almir Sena          13 pts

5º Alexandre Odo   12 pts

Na bateria mais esperada do dia, a categoria Sprinter, a diferença de pontos entre Flavio Costa (29), Gustavo Correa (27), Felipe Bernardes (25) e Leandro Ahmed (24) estava em 4 pontos apenas.

A disputa na tomada de tempo foi eletrizante entre Flavio Costa e Felipe Bernardes com uma diferença de 2 centésimos, uma piscada de olhos, Flavio Costa fica com a pole e Felipe Bernardes largou em segundo.

 

A disputa entre os quatro foi acirrada até as últimas voltas quando Felipe Bernardes assumiu a ponta deixando a briga pelo segundo entre Flavio Costa e Gustavo Correa, ficando nestas posições até a bandeirada final.

Com isso a pontuação final na categoria Sprinter é está:

1º Flavio Costa          47 pts

2º Felipe Bernardes   47 pts

3º Gustavo Correa     43 pts

4º Leandro Ahmed     38 pts

5º Giousue de Luca    19 pts

Desta forma encerramos a nossa segunda edição do Campeonato Carioca de Kart Indoor, este ano homenageando nosso eterno Diretor de Prova Mihaly Hidasy, um campeonato que contou com um grande número de pilotos que nos ajudaram a manter a chama acesa deste esporte onde a adrenalina corre, literalmente em nossas veias.

Mais uma vez em nome da organização do evento agradeço à participação de todos os pilotos e parabéns aos novos campeões.

ATÉ 2018.

Escrito por: João Carlos Guerra – Diretor de Provas e Jornalista

 

====== NOTA DO PROMOTOR ======= AGRADECIMENTO =======

Quero aproveitar a oportunidade para a todos que fizeram este campeonato acontecer. Começando pelos pilotos, fundamentais para nosso sucesso, ao Top Kart Indoor, nas pessoas do Valdo Victoriano, Luiz Ozório, Pedro e Ricardo cujas equipes das 2 casas nos acolheram muito bem, à suas equipes de funcionários, sempre prestativos e felizes.

Aos nossos patrocinadores, Irmãos Bighi Materiais de Construção, Mekatron Motores, SCI Sistema de Consumo Inteligente e Top Kart Indoor.

Muito obrigado a todos os meus amigos da minha equipe de trabalho, nossa comissão organizadora da qual fazemos parte, eu, Alex Kid, Bruno Alter, Felipe Assumpção, João Carlos Guerra, Lucio Ávila, Marcos Chuvas, Mauro Chuvas e Sergio Milani.

Ao piloto, André Felisberto que ajudou muito na passagem e nivelamento dos karts a cada etapa, algo fundamental para uma brincadeira equalizada e divertida para os pilotos.

E agora, um agradecimento especial à Teresa D’ávila, que sem ela, os pilotos estariam aguardando as somas de pontos por algumas semanas depois da etapa (rs).   Parabéns pela evolução na pilotagem e obrigado pela eficiência no controle deste campeonato!

Aguardo todos em 2018, em fevereiro novamente com um lindo grid de endurance e a partir de março, a nossa nova temporada, a 3a.!

Grande abraço a todos, meus amigos!

Alexandre Odo.

www.alexandreodo.com

 

 

 

 

 

 

Booking.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, informe seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.